frase marco2017

Duches vaginais

Afinal, sim ou não?

mulher no duche

Existem vários factores que podem interferir com o bem-estar genital feminino e, em certos casos, ter influência no desenvolvimento de irritações ou infeções. Alguns destes fatores podem ser: a atividade sexual, a alimentação, o vestuário, os hábitos de higiene, a utilização de pensos diários, os medicamentos que tomamos, entre outros. Muitas vezes, até o nosso estado hormonal e emocional interfere com este bem-estar íntimo.

 

Somos, de facto, um ser complexo e cheio de particularidades, MAS é exatamente isso que nos torna tão especiais.  😊

Apesar de existirem singularidades inerentes a uma mulher, não significa que seja preciso fazer um bicho de sete cabeças. O que importa é descomplicar.

Por isso, vamos responder a algumas questões sobre a higiene íntima da mulher que te vão ajudar a lidar melhor com as situações diárias….

 

É preciso lavar o interior da vagina?

Não! A vagina produz muco e tem microrganismos protetores necessários para o seu equilíbrio e saúde. Se lavarmos e/ou desinfetarmos o seu interior com antisséticos vamos eliminar estes mecanismos de defesa da vagina, deixando o caminho livre para a infecção e/ou proliferação de fungos como o Candida Albicans (responsável pela candidíase).

. Assim sendo, a tua limpeza deve focar-se apenas na área exterior e os agentes de limpeza não têm a finalidade de esterilizar a região mas sim de remover resíduos e secreções que aí se acumulam.

 

Isso quer dizer então que não devo fazer duches vaginais?

Exatamente! Como o próprio nome sugere, os duches vaginais referem-se à lavagem do canal vaginal com água ou com uma solução de água e antissético/agente de limpeza.

Ora como vimos a zona íntima feminina é delicada e propensa a infeções, mas já tem o seu próprio sistema de defesa. Os duches vaginais  eliminam os mecanismos de defesa da vagina e contribuem para a exposição a infeções.

 

Mas foi o médico que receitou…

Se foi o teu médico que receitou para a tua situação (e não para a da tua amiga ou da tua irmã!), então sim, deves fazer. Os duches podem, por vezes, ser receitados pelo médico para aliviar uma infeção. Tirando essa aplicação não é mesmo desejável que se façam.

 

Então e relativamente à zona externa? Que produtos usar para lavar a zona genital?

A parte exterior dos genitais deve ser lavada com água corrente e produtos de higiene . No banho, podes lavar a vulva (parte exterior da vagina), região púbica e perianal com gel de banho/sabão com que lavas o resto do corpo (e não há mal nenhum nisso) ou com um produto específico para a higiene íntima.

Esses produtos específicos ajudam a manter o equilíbrio e a reduzir a probabilidade de irritação na vagina. Mas já sabes, o melhor é aconselhares-te com o teu médico ou farmacêutico para a escolha daquele que é mais adequado para ti.

Também não é aconselhável a utilização de esponjas nas lavagens, já que se trata de um ‘viveiro’ natural de fungos e bactérias. Got it?

 

Ahh!! E outra nota (muito, muito importante): os duches vaginais não têm qualquer efeito contracetivo!!

Por isso, se precisas de pensar ou repensar a tua contraceção, esquece essa opção e consulta os métodos contracetivos de longa duração, seguros e eficazes, que tens à tua disposição. Clica aqui para veres o vídeo da Dr.ª Diana.

 

Descomplica. (a tua vagina agradece 😊)

 

###

Publicado:

15/12/2017