frase marco2017

HPV desmistificado

O que é e como podes prevenir?

Mulher com blusa branca

HPV designa o vírus do Papiloma Humano, vírus este bastante frequente, tanto no sexo feminino como no sexo masculino. De certeza que já ouviste falar muito deste vírus, mas será que sabes tudo sobre ele? Neste post explicamos-te o que é e como o podes prevenir.

 

O vírus do HPV atinge mais pessoas do que pensamos – é uma das infeções sexuais mais comuns no mundo. Estima-se que cerca de 80% da população vive com este vírus em algum momento da sua vida, enquanto indivíduos sexualmente ativos, na maioria das vezes sem qualquer sintoma.

 

O que é este vírus?

O HPV – Papilomavírus Humano – é transmitido através do contacto genital, provocando infeções nos homens e nas mulheres. Existem 120 tipos diferentes em que 40 destes tipos afetam órgãos genitais (vagina, vulva, pénis, colo do útero e ânus). O HPV divide-se em dois tipos: alto risco e baixo risco. O HPV de alto risco pode desenvolver-se para as doenças cancerígenas e o de baixo risco para doenças benignas como os condilomas ou as verrugas genitais.

Para além de ser um vírus muito comum, é também muito silencioso, sendo que na maioria dos casos o indivíduo infetado não tem qualquer sintoma, até mesmo quando a doença já se desenvolveu. A doença mais relacionada ao HPV é o cancro do colo do útero. Este é o tipo de cancro mais comum nas mulheres, sendo que 100% dos casos da doença estão relacionados com a infeção por HPV. Sendo um vírus assintomático, é bastante importante fazer-se rastreios regulares. Nas mulheres, o rastreio através do exame Papanicolau ajuda a identificar potenciais alterações no colo do útero, sendo bastante importante para o diagnóstico, bem como para o seu tratamento e vigilância.

O HPV afeta igualmente mulheres e homens e, na maior parte dos casos, a infeção desaparece espontaneamente após 1 ou 2 anos. No entanto, no caso do vírus não ser eliminado, pode desenvolver-me para doença sendo que não é possível prever essa evolução.

 

Como prevenir?  

Existem várias formas de prevenir a doença, no entanto a prevenção assenta, essencialmente, nos comportamentos e estilo de vida adotados.

No caso das mulheres, é essencial que realizem com frequência exames de rastreio como o Papanicolau ou o teste HPV-DNA, mesmo que já tenham sido vacinadas.

A vacina é fundamental na prevenção do vírus. Esta deve ser tomada mediante orientação médica, ou de acordo com o Programa Nacional de Vacinação. O preservativo é o método contracetivo mais adequado na proteção contra infeções sexualmente transmissíveis, incluindo o HPV. É importante que fales com o teu parceiro sobre estas infeções para que ambos tomem consciência que os comportamentos sexuais anteriores podem ser um fator de risco, principalmente se já tiveram vários parceiros sexuais.

 

Agora que já te demos esta explicação, não tens desculpa para não te portares bem na prevenção do HPV. Não te esqueças que é importante que tomes escolhas conscientes e que te mantenhas protegida contra eventuais infeções 😊

 

###

 

Referências bibliográficas:

http://www.hpv.pt/o-que-e-o-hpv/

https://www.saudecuf.pt/mais-saude/doencas-a-z/hpv-virus-do-papiloma-humano

https://lifestyle.sapo.pt/saude/saude-e-medicina/artigos/hpv-o-que-e

http://www.mulherconsciente.com.br/cancer-colo-de-utero/sobre-o-cancer/