frase marco2017

Vaginose bacteriana

Vagi-quê?

vaginose

Nunca ouviste falar sobre isto, mas o nome não te inspira nada de bom? Então descobre tudo sobre esta infeção no post de hoje e descobre como preveni-la.

 

 

Antes de te explicarmos o que é a vaginose bacteriana, é muito importante teres noção que esta é mais comum e bastante diferente da candidíase. Para saberes tudo sobre esta temática e perceberes bem esta diferença, visita este website: http://www.antifungicos.bayer.pt/saude-intima/

A vaginose bacteriana é uma infeção vaginal que, embora não seja considerada uma doença sexualmente transmissível, pode ser contraída durante as relações sexuais. A bactéria “Gardnerella Vaginalis” é a principal responsável pelo aparecimento desta infeção e, apesar do desconforto que pode causar em alguns casos, é possível que muitas mulheres nem se apercebam dos seus sintomas. Os mais comuns são: corrimento com odor intenso e uma cor mais acinzentada, odor vaginal desagradável, principalmente durante a menstruação, comichão e sensação de desconforto ao urinar. Quando algum destes sintomas se manifestar, o melhor será procurares um médico para que, através da colheita de corrimento, se possa identificar o problema e o tratamento que, por norma, é feito através de antibiótico.

Mas mais importante que tratar, é prevenir! Para evitares este tipo de infeções vaginais é importante manteres uma boa higiene íntima, mas evita os duches vaginais. E claro, não te esqueças do teu super aliado na prevenção de qualquer infeção, o preservativo!

 

Cuida de ti e descomplica 😉

###

 

Referências bibliográficas:

https://www.tuasaude.com/vaginose-bacteriana/

https://www.tuasaude.com/sintomas-da-vaginose-bacteriana/

https://www.gineco.com.br/saude-feminina/doencas-femininas/vaginose-bacteriana/

Publicado:

25/02/2019